A ferramenta que você procurava para vender ainda mais

  (79) 3085-9590 (R. 8429)   contato@vfast.com.br

HomeConteúdo E-commerceNotíciasAlibaba lidera investimento de US$ 400 milhões na Masan, do Vietnã

Alibaba lidera investimento de US$ 400 milhões na Masan, do Vietnã

O Alibaba está liderando um financiamento de US$ 400 milhões na unidade de varejo do conglomerado vietnamita Masan, marcando seu primeiro investimento em uma das economias de crescimento mais rápido da Ásia.

Um consórcio formado por Alibaba e Baring Private Equity Asia está adquirindo uma participação de 5,5% na The CrownX, em um negócio que também fortalecerá a Lazada, plataforma de e-commerce do sudeste asiático do Alibaba, disse Masan em um comunicado nesta terça-feira (18).

A CrownX, maior empresa de varejo do Vietnã, foi formada por meio de uma fusão das unidades de varejo do Vingroup e fazendas de alta tecnologia com a unidade de alimentos e bebidas da Masan em 2019.

Ele tinha uma avaliação pré-investimento de US$ 6,9 bilhões ou US$ 93,50 por ação, de acordo com o comunicado.

A controladora Masan terá 80,2% da unidade de varejo.

“A combinação da experiência de varejo online do Alibaba, a plataforma de comércio eletrônico da Lazada no Vietnã e a rede offline líder da Masan será um forte catalisador para modernizar o cenário de varejo do Vietnã”, disse Kenny Ho, chefe de investimentos para o Sudeste Asiático do Alibaba Group.

Como parte da transação, a VinCommerce, com seus mais de 130 supermercados e 2.900 minimercados, será o varejista de alimentos preferido na plataforma da Lazada no Vietnã e suas lojas físicas se tornarão pontos de coleta para pedidos online.

A mercearia responde por 50% do mercado de varejo do Vietnã e 25% dos gastos do consumidor, mas a penetração online ainda é pequena, disse Masan.

A Lazada concorre com a plataforma de Internet Sea’s Shopee, de Cingapura, que está ganhando terreno no sudeste da Ásia.

Investimento do Alibaba na região

O investimento do Alibaba é o maior na região desde o seu financiamento de US$ 1,1 bilhão na Tokopedia, líder de comércio eletrônico da Indonésia, em dezembro de 2019, de acordo com dados da Refinitiv.

Fontes familiarizadas com o assunto disseram que o Alibaba está fornecendo a maior parte do financiamento no último acordo que começou no início de 2020.

A varejista chinesa JD.com e os patrocinadores financeiros também mostraram interesse em investir no CrownX, disseram as fontes.

A Masan também disse que está em negociações avançadas com outros investidores para um investimento adicional de US$ 300 milhões a US$ 400 milhões no CrownX e espera que isso seja fechado ainda este ano.

As fontes disseram que players regionais de varejo e investidores financeiros devem emergir como compradores potenciais na próxima rodada de investimentos.

O Credit Suisse assessorou Masan no negócio e o Deutsche Bank assessorou o Baring Private Equity Asia.

Leia também: Mesmo após decisão do STF, caminhões são apreendidos em Pernambuco por não pagamento do Difal

Fonte: Reuters



Fonte feed: E-commerce Brasil