A ferramenta que você procurava para vender ainda mais

  (79) 3085-9590 (R. 8429)   contato@vfast.com.br

HomeConteúdo E-commerceNotíciasEbanx quer usar investimento de US$ 430 mi da Advent em aquisições

Ebanx quer usar investimento de US$ 430 mi da Advent em aquisições

Os recursos investidos pela gestora de private equity Advent na empresa brasileira de pagamentos digitais Ebanx serão utilizados para atrair talentos e fazer aquisições na América Latina, de acordo com a empresa curitibana. Os quatro programas de investimento da Advent entraram no aporte, na primeira vez em que isso aconteceu, de acordo com a Ebanx. Este foi o maior investimento da Advent em uma empresa de tecnologia na região.

“Investir no desenvolvimento de produtos de ponta e expansão de mercado para atender empresas globais interessadas na América Latina sempre foi nosso objetivo”, disse o CEO da Ebanx, João Del Valle, através de nota. “A chegada da Advent acelera esse processo e traz a experiência necessária para continuarmos a entregar a melhor experiência em pagamentos digitais na região.”

A Ebanx planeja abrir capital nos Estados Unidos, possivelmente na bolsa de tecnologia Nasdaq

A Advent fez um aporte de US$ 430 milhões na Ebanx, tornando-se sócia minoritária do negócio. A maior parte, US$ 400 milhões, será paga agora, e outros US$ 30 milhões serão aportados na empresa na futura oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês).

A exemplo de outras companhias brasileiras do setor de pagamentos, a Ebanx planeja abrir capital nos Estados Unidos, possivelmente na bolsa de tecnologia Nasdaq. PagSeguro e Stone, que venderam ações naquele mercado, são avaliadas em US$ 17,5 bilhões e US$ 19,8 bilhões, respectivamente. A carteira digital PicPay, da J&F, protocolou em abril o prospecto inicial da oferta de ações na Nasdaq.

A bandeira de cartões Elo deve seguir o mesmo caminho, segundo apurou o Broadcast. Até mesmo a Didi Chuxing, empresa de mobilidade chinesa dona do aplicativo brasileiro 99, destacou sua atuação em pagamentos digitais no Brasil ao apresentar sua oferta de ações nos Estados Unidos.

O investimento da Advent é anunciado uma semana após o Nubank receber um investimento de US$ 500 milhões do Berkshire Hathaway, veículo de investimentos de Warren Buffett. A maior fintech brasileira também se prepara para uma oferta de ações, embora não estabeleça um prazo.

Investimento na Ebanx

Criada em 2012 por Del Valle, Wagner Ruiz e Alphonse Voigt, a Ebanx tem os três como sócios majoritários, e a FTV Capital, que fez investimentos em outras rodadas, no quadro de acionistas. A Ebanx criou uma plataforma que faz a intermediação de pagamentos entre os usuários finais e empresas de internet. Entre seus clientes, estão Spotify, Uber, Shopee, Alibaba e Amazon.

De acordo com a empresa, mais de 70 milhões de pessoas na América Latina já fizeram pagamentos através de seus serviços, e 145 milhões de transações foram processadas em suas plataformas no ano passado.

Os quatro programas de investimento da Advent entraram no aporte na Ebanx. Segundo a companhia, esse foi o maior investimento que a gestora já realizou em uma empresa latino-americana de tecnologia. “O Ebanx é uma das empresas mais impressionantes que conheci nos últimos 20 anos”, disse, também através de nota, Mario Malta, sócio da Advent responsável por investimentos em serviços financeiros na América Latina.

A Ebanx espera utilizar o aporte também para atrair executivos de empresas de tecnologia para seus quadros. A companhia já contratou Alexandre Dinkelmann, ex-Totvs, para o cargo de CFO, e pretende ir além.

Leia também: Intenção de compra de veículos cresceu 24% no 1º trimestre de 2021, aponta Mercado Livre

Fonte: Broadcast Estadão



Fonte feed: E-commerce Brasil