A ferramenta que você procurava para vender ainda mais

  (79) 3085-9590 (R. 8429)   contato@vfast.com.br

HomeConteúdo E-commerceNotíciasMobly comemora resultados de plataforma de venda de móveis usados

Mobly comemora resultados de plataforma de venda de móveis usados

A Mobly ampliou sua atuação no mercado ao lançar uma plataforma para venda de móveis usados (https://usados.mobly.com.br/) em março de 2020. O serviço, que atua em diversas categorias, teve sucesso em seu primeiro ano de operação.

“O nosso marketplace traz o conceito de reaproveitamento. Ter essa conscientização demonstra que as pessoas estão fazendo sua parte para ajudar o planeta. Nosso serviço alimenta, de uma maneira sustentável, um ciclo de consumo consciente e preservação de boas peças, que por algum motivo não fazem mais sentido para algum cliente, mas podem compor perfeitamente o ambiente de outro”, explica Victor Noda, Founder e CEO da Mobly.

O serviço só está sendo ofertado para as cidades de São Paulo e Campinas, por enquanto. Imagem: Divulgação

Além de acompanhar as tendências de consumo consciente que, segundo pesquisa da consultoria Nielsen, já faz parte da rotina de 42% dos brasileiros, outros importantes atrativos da Mobly Usados são a grande variedade de ofertas e a comodidade para o cliente.

“Já somos experts em móveis novos, seleção e transporte e também temos um fluxo gigante de usuários interessados em móveis no nosso site, provavelmente o maior do Brasil. A plataforma Mobly Usados, foi um sucesso, justamente por adicionar uma nova opção em nossa prateleira e proporcionar uma maneira sustentável de dar um destino para peças antigas e ainda gerar um dinheiro extra para os nossos clientes. Acompanhamos pesquisas no setor, como a do Instituto Akatu, por exemplo, que nos mostrou que 44% dos consumidores recompensaram socialmente empresas que aderiram à sustentabilidade em 2020”, afirma o executivo.

Curadoria da Mobly

Segundo a Mobly, o vendedor só precisa subir o anúncio no site e o Mobly Usados se encarrega de todo o resto: anúncios online, coleta, entrega, higienização, repasse de pagamentos só após a aprovação do comprador etc.

“Nós fazemos uma curadoria e, após aprovação, os itens seguem para a loja virtual. Entretanto, criamos diversas categorias, para que seja possível vender móveis em diferentes estados de conservação”, explica Noda.

Por enquanto, o serviço só é ofertado para as cidades de São Paulo e Campinas, mas há um planejamento para abrir para as outras cidades ao redor. “Neste primeiro trimestre de 2021 crescemos muito rápido em comparação com o mesmo período de 2020. Nosso marketplace entra no nosso plano de expansão em espiral, assim como as megastore, por exemplo. Esperamos um grande segundo semestre, seguindo a tendência que atingimos até aqui”, finaliza o CEO.

Leia também: Mobly inaugura megastore em Campinas, no interior de SP



Fonte feed: E-commerce Brasil