A ferramenta que você procurava para vender ainda mais

  (79) 3085-9590 (R. 8429)   contato@vfast.com.br

HomeConteúdo E-commerceNotícias“Nova norma para a indústria é a automação para o marketing

“Nova norma para a indústria é a automação para o marketing

A palestra de abertura do The Future Of E-Commerce’21 – Edição Martech trouxe um tema recorrente nas operações de e-commerce da atualidade. O quanto vale a pena a automação para o marketing?  Para tratar sobre o tema, o E-Commerce Brasil convidou o co-CEO da Voxus, Rodrigo Martins.

O especialista em marketing digital mostrou que a tecnologia veio para simplificar as rotinas com mídia e, ao mesmo tempo, trouxe bons resultados. O objetivo principal dessas automações é ganhar tempo com menos trabalho.

Rodrigo Martins
Rodrigo Martins palestrou no The Future Of E-Commerce – Edição Martech (foto: Alexandre Ieva)

“2021 é um ano de desafios e, dentro desses desafios, a gente vê como as pessoas começaram a perceber um excesso de anúncios e propagandas e muitas mensagens mal recebidas. A tecnologia vai auxiliar a evitar essa percepção do cliente”, explicou Martins.

O Co-CEO da Voxus trouxe dados que mostrou que por mais que o Brasil seja o segundo país do mundo com mais internautas, a representação do e-commerce é menor do que a média mundial. Para ele, entretanto, já existe uma caminhada para uma mudança desse patamar.

Rodrigo Martins mostrou que o ideal para conseguir uma boa estratégia de marketing é dividi-lo em três etapas: segmentação, criação e performance & BI.

“A nova norma para a indústria é automação para o marketing. 49% dos líderes já usam essas tecnologias extensivamente e 35% pretendem usar em breve. Há ainda algumas restrições no Brasil. Muitas vezes falta budget ou falta de conhecimento sobre privacidade de dados, por exemplo”.

O The Future Of E-Commerce – Edição Martech acontece nesta terça-feira (1) e na quarta (2) e recebe grandes nomes do mercado de tecnologias para marketing. O evento faz parte de uma série de congressos do E-Commerce Brasil para tratar sobre o futuro do comércio eletrônico no Brasil.



Fonte feed: E-commerce Brasil