A ferramenta que você procurava para vender ainda mais

  (79) 3085-9590 (R. 8429)   contato@vfast.com.br

HomeConteúdo E-commerceNotíciasserviço de conciliação de repasses para e-commerce

serviço de conciliação de repasses para e-commerce

A conciliação de recebíveis por quem vende em marketplaces é fundamental para não amargar prejuízos e controlar o fluxo de caixa de qualquer seller. Mas esse é um processo trabalhoso e demorado.

Mesmo com a funcionalidade de conciliação automática, incluindo download da planilha de repasses nos marketplaces, carregamento da planilha na plataforma, análise dos pedidos e tratativas para reaver alguma divergência, entre outras tarefas, até agora era de responsabilidade do cliente.

Com o novo Serviço de Conciliação, a equipe de especialistas do Koncili, software líder na conciliação de pagamentos dos marketplaces, criado e desenvolvido pelo Grupo DB1, fica responsável por toda a conferência e tratativa de cada pedido feito nos marketplaces e uma vez ao mês, geralmente até o 5º dia útil do mês subsequente, faz a entrega do resultado das conciliações realizadas no período.

Entre as informações apresentadas estão a quantidade de vendas por canal, valor de venda versus valor de despesas, devoluções e protocolos de tratativas das divergências que ocorram nos repasses, entre outras. Além de economizar trabalho, o serviço entrega as informações mais relevantes para a tomada de decisões.

Com maior autonomia e agilidade na conciliação de repasses, o Serviço otimiza o tempo do seller e permite que ele invista mais tempo na estratégia, pois através dos relatórios, é possível entender quais os melhores canais de vendas, e qual promoção, dentro de qual marketplace, garantiu a melhor rentabilidade.

O objetivo é permitir ao seller faturar mais com menos mão de obra e, ao mesmo tempo, melhorar a agilidade, a autonomia, a transparência e o gerenciamento dos repasses dos marketplaces utilizados.

Para mais informações sobre o Serviço de Conciliação do Koncili, acesse aqui.

Leia também: Lindt inicia integração de e-commerce com lojas físicas.



Fonte feed: E-commerce Brasil