A ferramenta que você procurava para vender ainda mais

  (79) 3085-9590 (R. 8429)   contato@vfast.com.br

HomeConteúdo E-commerceNotíciasSpotify vai permitir a venda de produtos no app

Spotify vai permitir a venda de produtos no app

O Spotify agora também é e-commerce. A gigante de streaming musical anunciou uma parceria com a plataforma de comércio eletrônico Shopify que vai permitir aos artistas comercializarem diretamente para seus fãs. 

A novidade conecta os perfis dos artistas do Spotify com suas respectivas lojas online no Shopify. Eles vão poder sincronizar seu catálogo de produtos com o Spotify. A partir daí, os fãs poderão navegar pelos produtos e fazer compras. 

Além de permitir um acesso mais fácil às lojas Shopify dos artistas, a integração pode oferecer um fluxo de receita adicional para aqueles que ainda não estabeleceram um site de vendas para seus ouvintes. Também pode dar àqueles que já têm um site em outro lugar um motivo para mudar para a plataforma da Shopify.

“Os artistas de hoje são empreendedores. Eles estão construindo marcas e negócios multifacetados e agora estamos tornando mais fácil para eles encontrar os fãs onde estão ”, afirmou Amir Kabbara, diretor de produtos da Shopify, em um comunicado.

“Ao trazer o empreendedorismo para o Spotify, estamos capacitando os artistas a pensarem além da mesa de mercadorias tradicional, com novas maneiras de monetizar e experimentar suas marcas por meio do comércio”, completou.

Fase de teste

O recurso, contudo, está em sua versão “beta”, segundo o Spotify. Embora todos os artistas em todo o mundo possam conectar suas lojas Shopify, a mercadoria aparecerá apenas para ouvintes na Austrália, Canadá, Nova Zelândia, Reino Unido e Estados Unidos por enquanto.

Tanto o Shopify quanto o Spotify têm interesses semelhantes em viabilizar a nova economia do criador, embora com áreas de foco diferentes. O Shopify vê sua plataforma de e-commerce como um complemento para empresas de criação de todos os tipos, enquanto o interesse do Spotify está mais nos artistas (e agora, criadores de podcast também).

Via TechCrunch

Leia também: Varejo e e-commerce são líderes em engajamento no Facebook e no Instagram



Fonte feed: E-commerce Brasil